Wikipedia sobre GIS

No fim de 2009 a ESRI, empresa americada desenvolvedora dos softwares proprietários da família ArcGIS, tornou pública uma iniciativa elogiável, mas que pelo que tenho notado não tem recebido aqui no Brasil o destaque que poderia. Estou falando do site Wiki.GIS.com, um repositório de conceitos sobre Geotecnologias no estilo da Wikipedia, com foco em SIG.

Este espaço, que por hora está disponível apenas em inglês (nada que um bom programa tradutor não resolva), é uma excelente fonte de pesquisa sobre fundamentos do Geoprocessamento.

Através deste serviço será possível envolver a comunidade interessada em tecnologias geoespaciais no processo de divulgação de conceitos sobre Geotecnologias.

É digno de nota que embora o serviço seja “patrocinado” por uma empresa privada, o site é imparcial, não dando destaque à determinada tecnologia em detrimento de outra, não afirmando, por exemplo, que certo programa é superior.

Então, acesse o site da Wiki.GIS (http://wiki.gis.com). Entre alguns dos artigos que eu achei especialmente interessantes estão:

Felizmente, eu já fui informado via e-mail private sobre projetos semelhantes que estão começando a se desenhar aqui no Brasil. Em breve espero publicar aqui no blog boas notícias sobre isso!

Fica ai a dica de mais esta fonte de informações conceituais sobre o Geoprocessamento e suas tecnologias.

Deixem seus comentários! :D

Compartilhe nas redes sociais

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Email
Anderson Medeiros

Anderson Medeiros

Graduado em Geoprocessamento pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB). É o autor do site https://clickgeo.com.br que publica regularmente, desde 2008, artigos dicas e tutoriais sobre Geotecnologias, suas ferramentas e aplicações.
Em 2017 foi reconhecido como o Profissional do ano no setor de Geotecnologias. Atua na área de Geoprocessamento desde 2005.

Artigos relacionados

4 thoughts on “Wikipedia sobre GIS

  1. Olá caros amigos,

    Concordo com vocês que para muitos o inglês ainda seja um problema, por muitos motivos. Por outro lado serve de incentivo para irmos em direção ao estudo das línguas, pois a maioria das pesquisas e publicações estão em inglês, alemão, francês e espanhol. Como diz o prof Gilberto Camara, a língua da ciência é o inglês.

    Ainda como nos fala Camara, na loteria do útero não fomos felizardos para o campo das ciências.

    Penso que a Wiki seja um bom começo para unificarmos o conhecimento independente da língua.

    Muito boa postagem e indicação.

    Esse blog está cada vez melhor, parabéns!

    1. Oi Sadeck, tudo bem? Bom ter você por aqui.
      Agradeço os elogios.
      Como citado na postagem, creio que este projeto pode ter maior destaque aqui no Brasil e já tem havido algum movimento neste sentido, embora ainda não tenha tomado grandes proporções.
      Um Abraço!

  2. Luiz Amadeu Coutinho disse:

    Olá Anderson

    Realmente o Wiki.gis parece que está crescendo e ganhando corpo.

    Acredito que não recebeu tanta atenção assim no Brasil, simplemente porque é em inglês o que é ainda é uma barreira para muitos brasileiros.

    Bom fim de semana.

    1. Olá Luiz! Você tem razão, com certeza o idioma é uma grande barreira para muitos, infelizmente.
      Bom fim de semana para você também.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pesquisar
Inscreva-se
Receba nossa Newsletter por E-mail

Cadastre-se Gratuitamente em nossa Lista VIP e receba nossas novidades por e-mail. Siga nosso Instagram @clickgeo.cursos e nosso Canal no Youtube para continuar atualizado sobre o Mundo do Geoprocessamento e Produção de Mapas!

Sobre Anderson Medeiros

Ele já foi reconhecido como o Profissional do Ano no Brasil no setor de Geotecnologias. Graduado em Geoprocessamento, trabalha com Geotecnologias desde 2005. Já ministrou dezenas de cursos de Geoprocessamento com Softwares Livres em diversas cidades, além de outros treinamentos na modalidade EaD. Desde 2008 publica conteúdo sobre Geoinformação e suas tecnologias como QGIS, PostGIS, gvSIG, i3Geo, entre outras.

Temas
Temas:
Arquivos
Arquivos: